Dermatoscopia digital

A dermatoscopia digital é um exame de bastante eficácia na prevenção e no diagnóstico do câncer de pele. Ele consiste no mapeamento detalhado da pele, avaliando as lesões pigmentadas da pele (pintas e sinais) com uso de uma lente de aumento de alta qualidade e um bom sistema de iluminação.  Na dermatoscopia digital, diferentemente da dermatoscopia manual, faz-se um mapeamento geral da pele com o registro de fotos de manchas e sinais, levando em consideração a cor e a estrutura, para que os resultados possam ser acompanhados com o passar do tempo. Isso torna mais fácil a identificação de novas lesões ou mudanças significativas nas pré-existentes.

A dermatoscopia digital é realizada sem nenhuma preparação especial, além de não haver contraindicações. Ela costuma ser indicado nos seguintes casos:

  • Pacientes com um alto número de pintas ou manchas na pele, por terem um maior risco de desenvolver um melanoma;
  • Pacientes com pele muito clara, olhos claros e ruivos. Essas pessoas, por terem menos quantidade de melanina no corpo, estão mais sujeitas às agressões causadas pelo sol, podendo, assim desenvolver câncer de pele.
  • Casos de histórico familiar de câncer de pele
  • Quem esteve muito exposto à luz solar ao longo da vida, como, por exemplo, trabalhadores rurais, pedreiros, motociclistas, entre outros.

 

 

 

 

 

Todos os direitos reservados à Dra. Luciana de Abreu.
Desenvolvido e Administrado por Visana Comunicação